Top Menu

Como utilizar o Customer Match do Google

A tecnologia tem ajudado profissionais de marketing que, com base em coleta de dados e análises, têm conseguido chegar exatamente no cliente com maior potencial de conversão e, mais do que encontrar esse consumidor, já é possível entregar mensagens individualizadas em grande escala, o que impacta diretamente nos resultados alcançados pelas empresas que apostam na fusão entre tecnologia e marketing.

Uma das formas mais utilizadas para conseguir fazer análises do perfil do cliente é com ferramentas de CRM (Customer Relationship Manager ou Gerenciamento do Relacionamento com o Cliente). Não, isso não é um bicho de sete cabeças e nem vai pesar no seu orçamento, afinal estão disponíveis no mercado diversas opções open source de softwares de CRM.

Esse tipo de ferramenta contribui para várias áreas da empresa, não só o marketing. relacionamento com o cliente, retenção, financeiro e outras áreas também serão beneficiadas.

No geral, o software será responsável por armazenar e organizar todas as informações de seus clientes Nele são inseridas dados como e-mail, endereço, telefone, renda, profissão, histórico de compra e outros detalhes que permitem uma série de análises. É possível identificar um padrão de compra, como as datas onde elas mais ocorrem e como são pagas (parcelas, boletos). Esse tipo de informação torna mais rica a experiência com o cliente e possibilita a tomada de decisões estratégicas.

Quando falamos de marketing é possível identificar em que estágio do funil de venda o cliente se encontra, qualificar os leads recebidos, além claro, de propiciar a chance de direcionar ações especificas para cada consumidor, independente do estágio em que esteja.

Mas já podemos ir além das aplicações tradicionais do CRM e a tecnologia – novamente –  é a principal “salvadora”.

Você certamente tem desenvolvido projetos com o objetivo de coletar e-mails para fazer campanhas, correto?

Agora já é possível utilizar essa base de e-mails para identificar o cliente e fazer remarketing por meio dela, sem ficar restrito apenas a campanhas de e-mail marketing.

Como? Com o Customer Match do Google.

O que é o Customer Match do Google

Ainda em 2015 o Google anunciou essa nova modalidade de anúncio, que tem como base seus principais canais – Search, Youtube e Gmail, mas que utiliza endereços de e-mail para a segmentação.

Ele tem uma lógica parecida com o match do Facebook, que consegue segmentar ações para grupos específicos tomando como referência os fãs atuais ou seguidores de outras marcas. O Google vem exatamente competir nessa linha, mas sua ferramenta tem algumas diferenças.

A principal delas é com relação ao dado base para a segmentação, que é o e-mail. Enquanto o usuário estiver logado em sua conta Google, todos os seus movimentos serão monitorados, o que irá permitir maior assertividade nas campanhas direcionadas a esse cliente, seja na busca, no e-mail ou mesmo no Youtube.

Como funciona na prática

Você precisa ter uma lista de e-mail própria, coletadas pelo seu negócio, com o consentimento do cliente. Por isso você precisa manter seus mecanismos de captura de e-mail ativos (landing pages, e-books, newsletters, blogs etc…). Para utilizar o Customer Match, esqueça aquela prática de comprar listas. Daí a importância de nutrir de forma constante o CRM.

Será preciso gerar um CSV dessa lista, que pode ter no máximo 500 mil endereços e como mínimo, para campanha de remarketing, 1000 usuários. Suba o CSV junto ao Adwords, na área designada para isso na ferramenta. Assim como todas as campanhas desenvolvidas na plataformas Google, o Adwords é a porta de entrada.

O Google fará uma análise de todos os endereços inseridos, só serão validos endereços @gmail ou contas que são gerenciadas pelo Google. Os outros endereços serão descartados, assim como aqueles que apresentam algum erro como a não utilização do @. Para preservar as informações dos clientes, depois que os dados forem inseridos na plataforma, o Google irá excluir o CSV.

Entre 24 horas e 7 dias o Google confirmará os matchs e a quantidade de usuários ativos na campanha. O match se dará levando em consideração a interação do usuário com os produtos Google, se seu e-mail é válido e outros critérios definidos pela empresa.

É importante lembrar que será possível identificar usuários Google com o mesmo perfil de sua atual base e oferecer as mesmas campanhas, assim como já é feito no Facebook. Nesse caso, você ganha um aliado para trabalhar um dos dados mais preciosos nesse mercado, o e-mail do cliente, que deixa de ser um instrumento para campanhas de e-mail marketing e se torna estratégico para outras frentes de divulgação.

A nível global, segundo a Alphabet, grupo que controla todos os serviços do Google, usuários do Gmail já atingiram a casa de um bilhão de contas ativas. Isso coloca o Customer Match como uma oportunidade de atingir um público amplo, potencial e de forma direcionada.

Publicado originalmente no Digitalks


Entre em contato







Close