Top Menu

post_blog_admatic_novembro_como_usar_os_principais_comparadores_de_preco

De acordo com uma pesquisa do SPC, 56% dos consumidores realizam buscas em comparadores de preço antes de efetuar uma compra. Esse número torna o canal altamente relevante, ainda mais porque ele consegue atingir pessoas exatamente no momento em que estão com o intuito de comprar algo.

Claro que para anunciar nestes canais, é preciso ter em mente que seu preço estará destacado para o consumidor em busca de ofertas. Por isso, é preciso ter capacidade estrutural para baixar sua margem em alguns casos e competir pelo preço com seus concorrentes.

Alguns dos principais comparadores de preço no mercado nacional são:

Comparador de preço - Buscapé

O Buscapé é um comparador de preço que possui uma média de 60 milhões de visitas mensais e 7 milhões de usuários cadastrados, sendo que já está há 17 anos no mercado, sendo o líder global em comparação de preço. São 11 milhões de ofertas publicadas nele. Nossa integração com eles é via API, de forma que os preços são atualizados com mais velocidade.

Investimento mínimo: R$200

Modelo de cobrança: CPC

Comparador de preço - Zoom

O comparador de preço Zoom aposta em uma comunicação diferenciada nas redes sociais para conversar com o consumidor que busca preços neste canal. Ele recebe em média 15 milhões de visitas por mês e investe em diferentes formatos de conteúdo sobre os produtos vendidos, tendo como parceiros sites como Yahoo, O Globo, Extra,ClicRBS. Nosso software também integra com o canal via API, com isso, você consegue gerenciá-lo pela Admatic, fazendo atualizações mais rápidas de preço.

Investimento mínimo: R$200

Modelo de cobrança: CPC

ja-cotei

O canal Já Cotei recebe cerca de 6 milhões de visitas e 300 mil usuários únicos por mês, com 3 milhões de produtos sendo cotados diariamente e um ticket médio de compra superior a R$470. A Admatic integra com o canal via API e permite uma gestão eficiente de seus recursos além de poder atualizar preços mais rapidamente.

Investimento mínimo: R$300 no pré e R$5 mil no pós-pago

Modelo de cobrança: CPC

Há ainda outros comparadores de preço, incluindo alguns segmentados como Cliquefarma, que compara preços de medicamentos, e Preço e Beleza, focado em cosméticos. Consulte a lista aqui.

Sobre os comparadores de preço e a Admatic

Todos os canais citados são integrados com a Admatic via API e, desta forma, além de uma gestão total de resultados e comparativo entre canais, você consegue atualizar os preços mais rapidamente, sendo que alterações no site podem ser refletidas nas campanhas de forma automática pela API de preço.

Fora isso, a API de estoque da Admatic permite a pausa automática das campanhas de produtos que estiverem fora de estoque, Evitando que você pague pelo clique do cliente em um anúncio de produto sem estoque.

Vantagens:

  • Modelos de anúncios para canais com catálogos diversificados ou setorizados
  • Aborda o consumidor interessado em comprar (que já sabe o que quer)
  • Modelo CPC na maioria dos casos, de forma que é possível controlar o orçamento
  • Relatório de resultados do canal, direto nas plataformas
  • Relatório comparativo entre canais e gestão integrada usando a Admatic
  • Ajustes automáticos de preço e estoque na Admatic

Para quais perfis de negócio os comparadores de preço funcionam melhor?

Para negócios em que o preço é o fator mais relevante para o cliente. Itens de fábrica revendidos por muitos lojistas, como smartphones, livros, eletrônicos e eletrodomésticos são alguns exemplos onde o preço é o principal diferencial. O consumidor escolhe a marca e design do produto que deseja comprar e depois monitora aquele item nos comparadores de preço para identificar o e-commerce com o valor mais atraente.

Os comparadores de preços são acionados por muitos clientes nessa etapa de pesquisa e, por isso, é estratégico anunciar neles : o cliente poderá te encontrar no exato momento em que já decidiu o que quer comprar e está buscando pela melhor oportunidade de encomendar o item desejado.


Close