• RJ +55 (21) 3504.7444 - SP +55 (11) 3454.3274
  • [email protected]
Top Menu

Saber “como planejar e investir melhor em marketing de performance” é uma pergunta feita diariamente pelos profissionais responsáveis em gerenciar campanhas online. Em diversas empresas do mercado digital, eles se perguntam o que pode ser feito para que a verba de marketing possa ser bem gasta, de forma inteligente e bem planejada, para que não haja desperdício ou pelo menos, para minimizar os erros no plano de mídia.

blog_admatic_760x428_estatisticas

 Já falamos aqui no blog que o Marketing de performance tem sido a grande aposta dos principais e-commerces do mercado brasileiro, pois com um bom plano para esse tipo de estratégia é possível ter bons resultados, diminuindo os custos e aumentando o ROI (return on investment). Mas você sabe realmente como investir melhor sua verba de marketing? Então, vamos dar 4 dicas  para você começar a se organizar e fazer um bom planejamento!


1 – Conheça seu público e seus objetivos

Antes de começar qualquer campanha é preciso conhecer melhor seu público, saber quais seus hábitos de consumo e o comportamento dele ao usar a internet. Quais os canais de conteúdo utilizados por ele, por onde eles compram, quais as principais redes sociais que utilizam, enfim, é preciso saber onde seu público vai estar para ir atrás dele. Depois de entender o comportamento e o perfil de seu público, é preciso definir o seu objetivo. O que pretende com as campanhas que você vai criar? Nesse momento você precisa se perguntar sobre qual é sua necessidade, será que é uma estratégia de branding, aumentar sua base de leads ou realizar vendas diretas? Dependendo do seu objetivo isso vai influenciar diretamente como essas campanhas serão veiculadas, qual será o conteúdo e em quais canais será melhor priorizar o investimento!

2 – Tenha bem definido seus indicadores (KPIs)

Os indicadores de performances, conhecidos como KPI (Key Performance Indicator) serão determinantes para a sua análise técnica e consequentemente no seu planejamento estratégico para melhorar cada vez mais seu ROI. Esses indicadores poderão ser definidos de acordo com os objetivos que você planejou alcançar. As taxas de conversões sempre serão avaliadas levando em consideração os resultados que você deseja conseguir com o investimento em suas campanhas. Se por exemplo, sua meta é aumentar o número de leads da sua base, para que possa futuramente fazer um trabalho a longo prazo de vendas, seu principal KPI será a quantidade de cadastro feitos com essa campanha. As vendas que esses leads vão gerar, já  serão KPI de uma futura ação, numa nova fase de sua estratégia. Por isso é tão importante definir  seus objetivos, pois em cada fase haverá KPIs para mensurar o sucesso de suas ações.

3 – Faça análise constante de suas estatísticas

Depois que você definiu seus objetivos e sabe qual o comportamento do seu cliente, consequentemente já conseguirá definir quais os principais canais de marketing que você vai  precisar investir e avaliar. Se sua campanha é com base em search, em comparadores de preços, retargeting ou em sistemas de afiliados, cada uma delas terá um comportamento diferenciado e precisará de uma análise detalhada diariamente. Algumas delas precisam de mais tempo para dar resultados e de uma análise com conclusão com maior precisão, mas não é por isso que você vai deixar de acompanhar o tempo todo seus números. É preciso ficar atento, por exemplo, para que produtos que estejam nas campanhas não apareçam fora do ar no site, que as landpages estejam funcionando bem ou o que valor de cada produto possa ser alterado rapidamente quando houver uma promoção ou condições especiais. Essas são apenas algumas das situações que fazem com que a necessidade desse acompanhamento seja importante, pois qualquer diferenciação nos números podem acusar algum tipo de problema na campanha. O sucesso de suas ações serão determinadas por essas análises e o ROI de suas campanhas futuras podem ser determinado pelo aprendizado adquirido no estudo de suas campanhas atuais.

4 – Planejar e Otimizar campanhas

Depois de realizar a análise de cada campanha dentro de um período determinado para cada uma delas em seus respectivos canais de marketing, é preciso definir quais campanhas devem se manter no ar, quais devem sofrer pequenas alterações e quais devem ser pausadas ou até mesmo suspensas. Essa é  uma parte que pode dar muito trabalho para otimizar tudo, principalmente se você tiver uma quantidade muito grande de produtos e com campanhas em diferentes canais. Mas essa otimização é determinante, precisando ser feita com bastante calma e atenção para poder melhorar e gerar um aumento de seu ROI. No caso de campanhas com produtos em comparadores de preço por exemplo, é preciso verificar e analisar cada produto dentro de um arquivo XML (o formato que normalmente é enviado para os Comparadores de preços), desta forma você vai definir quais produtos devem ser mantidos ou pausados de acordo com o rendimento de cada um.

 

DICA EXTRA: Uma forma mais fácil de passar por todo esse  processo de planejamento e análises é usando uma ferramenta própria para te ajudar. A Admatic tem soluções que ajudam em todas essas fases, melhorando o processo de gestão, dando em tempo real estatísticas para sua análise e oferece soluções para automatizar a integração de suas campanhas com canais de marketing. FALE CONOSCO e conheça nossas soluções.


VOCÊ ESTÁ PRONTO PRA FICAR NO CONTROLE?
Conheça ADMATIC, um software de gestão para campanhas de marketing de performance.
Crie e gerencie todos os seus XMLs em um só lugar ou analise e otimize suas campanhas de search, retargeting e afiliados. Faça tudo em menos tempo e consiga mais resultados!

SAIBA MAIS | SOLICITE CONTATO DOS NOSSOS CONSULTORES

Close